12 Fevereiro, 2017

MOVIE NIGHT # 50 SHADES DARKER

“You have my heart.”

Sinceramente nem sei por onde começar, há tantos pormenores a apontar. O segundo filme de uma das trilogias mais vistas do mundo estreou no dia 9 de Fevereiro, um dos filmes mais aguardados deste ano e que gera sempre alguma polémica devido às cenas eróticas e ao comportamento de uma das personagens principais, Christian Grey ou Mr. Grey. Nunca li os livros nem tinha muito conhecimento acerca do primeiro filme, as 50 Sombras de Grey, porém assim que ele estava nos cartazes dos cinemas eu vi-o. O primeiro filme revelou-nos o começo da história de amor entre a doce Anastasia Steele e o Mr. Grey, este filme deixou-me ansiosa para ver os próximos pois o seu final ficou em aberto e não foi um daqueles finais “e viveram felizes para sempre”, aliás, pelo contrário.

Acreditem ou não, vi o filme duas vezes, no dia da estreia e ontem. Acho que é a primeira vez que vejo o mesmo filme duas vezes no cinema, calhou por acaso, no dia 9 vi-o com amigas da faculdade e ontem à noite as minhas amigas mais próximas, duas loucas que eu adoro, queriam ir ao cinema ver este filme e eu disse logo que não me importava nada de voltar a ver e assim foi. Confesso que o que me cativa neste filme não são as cenas eróticas mas sim a história de amor entre a Ana e o Christian, a maneira como ele evoluiu do primeiro filme para o segundo é incrível. No 50 Shades Darker é possível ver todas as mudanças feitas por ele de modo a reconquistar e não voltar a perder a Anastasia, há alguns momentos de ansiedade e alguns obstáculos que o casal enfrenta para conseguirem ficar juntos. Porém, não me posso esquecer de referir que o querido Mr. Grey também está muito diferente fisicamente, as melhorias feitas fizeram com que, em plena sala de cinema, quando ele aparece pela primeira vez durante o filme – logo no início – foi possível ouvir um suspiro de todas as mulheres que estavam na sala ahahah!

Este filme faz-nos sonhar com o relacionamento quase perfeito, todas as características do Christian são “fixas” nas nossas expectativas em relação aos nossos namorados pois ele tem tudo para ser o namorado perfeito, vão notar uma grande diferença entre a personagem do primeiro filme e a do segundo. Aconselho-vos mesmo a verem o filme, está incrível e a história muito mais elaborada. Para quem não sabe, o segundo e o terceiro filme foram gravados ao mesmo tempo e no final do filme não se vão logo embora pois se forem vão perder um pequeno trailer do terceiro filme que estreia por volta de Fevereiro do próximo ano de 2018. Para vos motivar ainda mais a ver o filme, deixo-vos aqui a banda sonora dos dois filmes desta trilogia cheia de amor e de onde podemos retirar vários ensinamentos.




TEMA: diary movies

Deixar uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *